Capítulo 07 - 4 por 4

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Qua 17 Jul 2013, 19:30

OFF: Rota predestinada ao Ay.


Anteriormente...
Capítulo 06 - Rapina



- 17:03, Chermont City, Delegacia de Polícia.

A chegada do Cadete até a cidade dos paralelepípedos havia sido tranquila, o pequeno meliante não disse uma palavra durante o percurso, mais uma vez Clark mostrou-se imponente. Para não perder mais tempo buscou logo a Delegacia de Polícia da cidade para deixar o garoto sob vossa custódia. O prédio cinzento com listas em creme, monótono, chamava a atenção por ser exatamente igual nas demais cidades. Ao entrar o aspirante era recepcionado por um rapaz com uma característica idêntica a de Clark, a seriedade. Certo que manter-se neutro é uma obrigação dos Cadetes, mas estes só liberavam um sorriso em raros momentos.

-- Cadete Clark Hideout se apresentado. Vim deixar sob vossa custódia este meliante que capturei na Rota 3. Irei ao Hospital, por isso gostaria de deixar convosco minhas exigências. Quero que arranque umas respostas deste rapaz. Quero saber a localização exata do mandante dele; quem ele é; como o conhece e onde atua.

Foi com estas incumbências que o Cadete deixava o local. Seus pensamentos ainda tardariam em aliviar, ele tinha que recuperar o seu parceiro Meowth, e findar a sua missão. Chermont City é uma cidade muito estranha na vista de Clark, talvez seja pelo fato dele ter nascido numa cidade mais sofisticada e mais movimentada como Twister City; aquele clima mais rústico o deixava incomodado. Os paralelepípedos então, nem se fala! Dificultavam a sua caminhada, ora pisava em elevações pontiagudas, ora trancava-se em buracos dentre as pedras.

-- Argh! Malditas pedras! - sussurrou. Ao passar por uma das ruas o rapaz levou um empurrão de uma garota que atravessava correndo com um Pokémon Ferido em mãos. Ok, ele não revidou com tal atrevimento e desacato, visto que a moça estava desesperada por um Hospital, e ela não era a única. O jovem aproveitou a deixa e seguiu a garota até chegar ao grande prédio. Sim, segui-la foi um desafio para o jovem Hideout que não se locomovia muito bem nas ruas da cidade do chão quadrado. Por fim ele entrava no local e seguia para a recepção... o lugar estava um tanto cheio.

-- Por favor, uma ficha por gentileza. Necessito curar meus Pokémon urgentemente. - Dizia o rapaz chegando ofegante ao balcão -- "Argh... será que não existe prioridade para Cadetes?!" - pensou.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Qua 17 Jul 2013, 21:03

Off: Como sabe, estarei assumindo a sua rota! =)
Vamos continuar a sua aventura! o/



Clark deixava a rota monótona titulada como 3, para entrar em uma cidade mais monótona ainda, que era Chermont City. O jovem logo levava o meliante pelas ruas da cidade do quão quebrado para ser diretamente preso na Delegacia da cidade.

Fora grande trabalho para capturar aquele meliante, mas no fim o menino não iria para lugar nenhum, a não ser para trás das grades. Caminhando calado, o garoto parecia estar um tanto quanto frustrado por ter falhado em sua missão. Agora, ele seguia bem atencioso nas travessas ruas da cidade.

O cadete logo adentrava no grande prédio que era a Delegacia e ali, o oficial Kibato o atendia, sendo seguido pelo a sua Haunter tenebroso, porém nem ligava para o cadete que adentrava ali, apenas ficava flutuando de um lado para o outro.


- Cadete, sentido! Eu mesmo irie interrogar esse meliante e não há nada que ele possa esconder de mim.

Dizia o oficial, estalando os dedos e prendendo uma segunda algema no rapaz, devolvendo a do jovem Clark. Ao ouvir a palavra “interrogar”, Haunter logo se animou e passou a rodear o garoto ali e dar altas risadas medonhas.

- Entraremos em contato com você após alguma resposta.

O oficial respondia para o recruta, que se retirava em direção do Hospital Pokémon. Ele tinha que recuperar os seus Pokémon, além de preparar o resgate de Meowth, que possivelmente se encontrava sobre posse do meliante que procurava como objetivo de sua missão.

O jovem cadete seguia as ruas de Chermont City, onde o Sol estava claramente no céu, abafando a cidade. Haviam poucas pessoas ali nas ruas, todas com cara fechada como se fosse requisito para morar ali.

O rapaz logo chegava ao Hospital, que ficava logo mais ao centro da cidade. Ali, nada pode se dizer se não o simples fato de que todos os Hospitais de Shinki estavam lotados. Seja de Pokémon ou pessoas com algum tipo de doença, com certeza o Hospital era o prédio mais frequentado da região.

O cadete logo pedia uma ficha a enfermeira. Queria pedir logo a cura e sair dali, afinal, tinha uma missão para cumprir e o tempo estava correndo.

No balcão, um enfermeira de cabelos azuis e uma face meiga estava, porém parecia bem responsável e profissional.


- Por favor, seu cadete, preencha essa ficha e entregue aqui ela com os seus Pokémon. Pode ficar a vontade.

Dizia a enfermeira pegando a ficha e entregando ao jovem.



Dados pessoais

Nome: ___________________________________________________
Data de Nascimento: __/__/__
Sexo : ( ) M ( ) F
Ocupação: _________________
Motivo: ___________________________________________________

Dados do Pokémon

Nome: ____________________________________________________
Tipo: _____________________________________________________
Sexo : ( ) M ( ) F
HP: _________________________Status: _______________________

Nome: ____________________________________________________
Tipo: _____________________________________________________
Sexo : ( ) M ( ) F
HP: _________________________Status: _______________________

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Qui 25 Jul 2013, 10:50

O Cadete enfim era atendido, a recepcionista entregava-lhe uma ficha para ser preenchida. Clark apanhava a caneta e respondia com pressa os itens.

Nome: Clark Hideout
Data de Nascimento: 28/01/26
Sexo : (X) M ( ) F
Ocupação: Cadete
Motivo: Minha recuperação e da minha equipe.

Dados do Pokémon


Nome: Andro(Houndour)
Tipo: Dark/Fire
Sexo : (X) M ( ) F
HP: 12% Status: Normal

Nome: Anne(Wingull)
Tipo: Water/Flying
Sexo : ( ) M (X) F
HP: 5% Status: Normal

Ao entregar a ficha o Cadete acrescentava que também precisava urgentemente de cuidados médicos, pois ele ainda estava machucado por causa da faca. O sangramento havia cessado, mas ainda era necessário um curativo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Vero Vento em Qui 25 Jul 2013, 20:58

Off: Oi serei seu novo narrador \o/

O Cadete rapidamente entregava a ficha e as Pokébolas a atendente, ele tinha de ser rápido, ainda estava em missão e o aliciador estava solto em algum lugar do suberrâneo de Chermont.

A enfermeira rapidamente falava para o Cadete em resposta a urgência do tratamento do mesmo:


- Oh, você está machucado, pegue esse crachá e siga para a ala hospitalar humana, lá uma enfermeira irá te atender e ver o que você prescisa.

Dizia ela docemente enquanto dava um crachá de paciente para Clark e levava a bandeja para onde os Pokémon do mesmo seriam curados, agora só faltava o Cadete seguir para a ala que ela havia citado que estava a esquerda do mesmo...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Dom 18 Ago 2013, 11:27

Após falar com a recepcionista, o Cadete pegava o crachá e seguia para a ala humana hospitalar que ficava a sua esquerda. Muitos enfermos resmungavam suas dores e de repente faziam cara de espanto ou seriedade ao ver o Cadete passar pelos corredores. Feito isso, o jovem chegava a uma sala, onde provavelmente ele teria o atendimento necessário. Ele se aproximava de uma das enfermeiras e mostrava-lhe o crachá.

-- Necessito de um atendimento. De certo modo é de muita urgência.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Vero Vento em Dom 25 Ago 2013, 09:18

Off: Desculpe a demora(eu não sabia que ainda te narrava), espero que possamos continuar a sua história rapidamente.
O jovem Cadete rapidamente seguia até a ala hospitalar sinalizada pela enfermeira, ao adentrar lá várias pessoas observaram o homem devido ao seu uniforme da corporação policial de Shinki, momentaneamente ele foi observado dos pés a cabeça e rapidamente as pessoas voutaram a fazer o que era de seu dever e logo um raivoso Gregory ralhava uma enfermeira loira e apontava para Clark.

A mesma bufava ignorando tudo o que o mesmo disse e indo em direção ao jovem, a ignorância transbordava no corpo daquela jovem que mesmo observando que o Cadete tinha uma facada ainda revirou os olhos e disse ao ouvir as palavras do mesmo, obviamente odiava o trabalho que ela era obrigada a fazer, nem ao menos era competente, dava para notar isso sem ao menoso uvir uma palavra da mesma:



- Aff, o que você tem? Porque está aqui?

Ela simplesmente queria adiar o trabalho mesmo que por apenas alguns segundos, mas isso podia irritar o jovem Cadete, era possível ver que de todas as enfermeiras naquele local ele pegou a pior delas...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Qua 28 Ago 2013, 20:00

OFF: VEROOOOOO O/ Senti sdds >.> Certo, vamos a todo vapor! quero logo findar essa missão! o7



O Cadete chegava enfim a ala hospitalar humana, estava um tanto cheia, todos perplexos ao ver Clark adentrar a sala com o seu porte de ordem e um sangramento. Logo todos voltavam aos seus afazeres, inclusive as muitas enfermeiras que retomavam o seu trabalho. O jovem Hideout não tivera muita sorte, a enfermeira que lhe restou era muito bucólica, encarava o trabalho como uma má obrigação, ainda assim era competente. Contraditório não?

Clark balbuciava o seu problema, e ela nem dava a mínima, então o Cadete fez com que a mesma prestasse atenção. Ele tirava a mão esquerda a qual usava para tapar o ferimento, e cheia de sangue colocava-a face a face com a enfermeira.

-- Está vendo isso aqui? Pois bem... Preciso de um atendimento urgente. Tenho uma missão a cumprir então peço a sua colaboração. Você faz o seu trabalho direitinho, e eu farei o meu. Assim ficamos quites e tudo correrá bem. Certo? - Ironizou.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Dom 01 Set 2013, 16:57

Off:Em nome de toda equipe, peço perdão pelo atraso >.<; mas de qualquer modo, vamos nos divertir, certo? =)


Clark estava em Chermont City, uma cidade de gente muito mais mal-humorada do que em Nyender City. Mas a situação ali era para se espantar. O jovem tinha perdido o seu fiel felino em missão anterior, que se rastejava para uma nova missão. O rapaz tinha entregue na Delegacia da cidade o menino que estava sendo suspeito de compartilhar atos ilícitos com um homem, o mesmo que o cadete viu em Jorvet Village.

Sua missão se estendia e agora ele tinha que capturar esse malandro e leva-lo para a prisão de modo que pudesse sanar a sociedade da presença repugnante que esse malfeitor tinha. Agora, o rapaz tinha, primeiramente, que se curar dos machucados que teve na rota 3.

Mas diante de tudo, uma enfermeira bem preguiçosa estava a atender o jovem cadete e isso fez com que o mesmo se irritasse com tamanho descaso perante a sua função. Oras, era obrigação da enfermeira isso e mais do que nunca, ele precisava dos serviços do hospital, enquanto os seus Pokémon estava recebendo tratamento logo a frente.

O cadete soltava a marca de sangue que estava em seu corpo e assim pressionava a enfermeira, se achegando bem próximo dela. Diante de tudo, o homem olhou para ela e assim ironizou com a mesma. De supetão, a enfermeira se movia para trás na cadeira de rodinha a qual estava sentada.

- Vai com calma ai, você acha que me importo com os seus ferimentos. Mesmo em missão, você é paciente como todos e deve esperar.

Dizia ela, retirando do bolso de seu jaleco uma lixa de unha e começando a lixar ali. Ela parecia estar nem um pouco se importando com a situação. De uma sala ao lado, uma pessoa saia com o braço enfaixado, parecendo que recebeu um corte. Uma voz rouca dizia “próximo!” e uma velha entrava, com as mãos na cabeça...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Seg 02 Set 2013, 13:32

OFF: Desculpas aceitas, agr... vamos a todo vapor para que essa missão se finde logo, sim? ^^



Ao que parece os resmungos do jovem Cadete não deram muito certo. A enfermeira continuava a não se importar, e desta vez isso ficava mais explícito. Ao menos ele pôde comprovar de que os atendimentos estavam ocorrendo de fato, e rápido por mais incrível que pareça. Mas Clark não podia ficar esperando por mais tempo, a ferida estava agonizando e o sangue ainda escorria mesmo que lentamente. Ele só queria prevenir para o caso da situação ficar mais grave. Sendo assim, voltou-se para a Enfermeira preguiçosa e batendo fortemente com a mão no balcão pediu que fosse transferido para a Emergência.

-- Veja bem, ou a senhora faz o seu trabalho me atendendo cordialmente e competentemente, ou eu vou ser obrigado a tomar medidas drásticas!

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Seg 02 Set 2013, 21:55

Off: Ok e boa sorte! Algo me diz que você vai precisar de sorte ^^


Clark estava no interior do Hospital. Uma ala que era dedicada apenas para os humanos, enquanto os Pokémon do mesmo ficava em uma sala ao lado. De fato, se o cadete estava ali era porque precisava de auxilio com os seus ferimentos, mas em vez disso, estava discutindo com uma enfermeira desaforada e de habilidades questionáveis.

Com isso o jovem oficial se exaltava e começava a exigir atendimento privilegiado. Nada mais do que justo, afinal, ele tinha uma missão para cumprir. O rapaz começava a ameaçar a enfermeira, que estava a lixar suas unhas e mal ouvia o rapaz toscanejar diante daquele ambiente.

As pessoas começavam a olhar com medo aquela situação. Clark era o único cadete ali e ela, a única enfermeira. Diante de tanto bate boca, uma enfermeira de cabelos rosados avistava o que estava acontecendo e foi intervir.

- Mil desculpas, cadete Hideout. Sei que está em missão e irei ajuda-lo com alguns curativos, mas o tratamento definitivo será apenas mais tarde. Mas garanto que os curativos que providenciarei será o suficiente para a sua missão, desde que não abra-os. Onde posso fazê-los?

Perguntava uma enfermeira super simpática que realizava um expediente interno, mas ela adiantava que não poderia fazer o tratamento total, apenas um curativo que deixaria o jovem apto para a missão, desde que ele preserva-se o local do ferimento.

Era a única coisa que Clark poderia conseguir por ali e ao olhar pela cara inexpressiva da loira, era melhor do que nada!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Ter 03 Set 2013, 00:42


Do que adiantava? O Cadete colocava-se novamente a resmungar, e até ameaçar a tal enfermeira mas ela de nada fazia questão, continuava ali com sua cara de deboche ao polir as unhas. Óbvio que todo aquela discussão chamaria a atenção dos demais na sala, ocasionalmente ficavam de olhos esbugalhados com a ação do jovem Cadete e com o desinteresse da Enfermeira.

Felizmente aquela confusão acabou atraindo uma outra enfermeira que parecia estar ativa, ela se preocupou com o caso de Clark e pôs-se a ajudar de uma forma eficaz, porém, nada conclusiva. Vendo que o Cadete tinha uma missão a fazer, e vendo também que ela tinha muitos para atender, propôs uma coisa. O curativo, somente o curativo foi feito; de acordo com ela aquilo bastaria para que ele realizasse o seu trabalho, todavia, como não foi feito o tratamento, ele deveria zelar para que o curativo não fosse aberto. Feito isso, Clark mostrava o local do ferimento, o ombro esquerdo.

-- Fico muito grato. Garanto de que seus esforços e sua competência não serão em vão - Disse o rapaz -- A propósito, será que meus Pokémon já estão bem?

Clark fazia uma expressão pensante, afinal seus parceiros deveriam estar numa boa condição física para enfrentar o inimigo oculto. Não sabes o que te aguarda; a única certeza é de que fará de tudo para que o êxito seja alcançado. Por fim, cerrava os punhos e desfazia-se dos pensamentos.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Ter 03 Set 2013, 12:29

O rapaz estava se exaltando perante a loira enfermeira, que não queria saber de realizar o seu trabalho. Clark começava a ficar cada vez mais irritado, e com razão! A enfermeira era uma perfeita folgada, que ficava ali olhando o rapaz como se nada fosse fazer para adiantar a missão do mesmo.

Diante disso, uma enfermeira muito atraente e de cabelos rosados vinha atender o rapaz, de forma que o mesmo ficasse pronto para a batalha na missão. Com isso, o rapaz aceitava a condição. Um curativo era melhor do que um braço bem acabado, não é? Diante disso, o rapaz seguia para um canto da sala, onde pôs a se sentar.

A enfermeira começava a realizar o procedimento e algumas pontas de dor o jovem sentiu, mas por conta da posição da enfermeira, não avistava o que ela estava fazendo. Um ardor começava a formigar o local e assim ele sentiu algo gelado em seguida, bem aliviado, o rapaz pode ver uma espécie de pano branco, ou algo do tipo, cobrindo quase todo o seu ombro.

Estava firme e pronto, o curativo. O rapaz percebeu que estava tudo bem e até parecia que tinha recebido um tratamento completo, já que o local estava limpo, desinfetado e a dor havia praticamente sumido. Com isso, Clark estaria pronto para o combate!

- Seus Pokémons já devem estar esperando o senhor na ala principal. Pode seguir para lá e pega-los. Ah! Volto a lembrar: nada de remover o curativo ou qualquer impacto sobre ele. É apenas uma medida paliativa. A decisiva terá que ser depois, já que tem tanta pressa para a sua missão.

Dizia a enfermeira, mostrando-se bem atenciosa e um pouco preocupada, afinal, as missões dos cadetes costumavam serem bem perigosos e com certeza poderia ser fácil acabar derrubando o curativo ou precisar de outra. Assim a que a enfermeira terminou, o celular do recruta tocou e o rapaz atendeu.

Do outro lado da linha, uma voz que mostrava-se séria e um tanto que rígida. O rapaz ouvia com clareza o que o homem dizia e se identificava.

- Sentido, cadete! Aqui é Kibato de Chermont City. Analisei com cuidado e interroguei pessoalmente o meliante que trouxe até mim. Ele disse que há um esconderijo sobre o esgoto de Chermont City, você pode acessa-lo a partir de qualquer bueiro. Vá e capture o homem que procure. Mas se julgar incapaz, ligue que mandaremos outro homem... Tu-tu-tu-tu

Kibato desligava o telefone logo em seguida e agora Clark tinha um norte para seguir, que era para os bueiros da cidade grande de pedra. O rapaz teria que ter cuidado. Um local escuro poderia ser perigoso para poder enfrentar o tão procurado malfeitor.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Sex 06 Set 2013, 22:44

A enfermeira era rápida, em poucos instantes findava o procedimento do curativo e advertia novamente para que o Cadete tivesse todo cuidado! Agora o rapaz já estava liberado para finalmente seguir em sua missão. A caminho para buscar seus pokémon, ele recebeu uma ligação do Kibato, o responsável pela Delegacia local. O mesmo dizia-lhe ter interrogado o garoto que Clark trouxe e tinha conseguido a localização do mandante, ele estava nos esgotos da cidade, o que já não era uma grande novidade.

Clark passava na ala principal do hospital e recolhia os seus parceiros com a recepcionista, em seguida saia depressa de lá. Novamente o jovem se incomodava com as pedras que ladrilhavam as ruas daquela cidade, era um verdadeiro martírio pra ele.

-- Bom, o esgoto pode ser acessado a partir de qualquer bueiro desses. Sendo assim...

Ali mesmo perto do hospital ele avistava um bueiro, a movimentação da rua não era tão relevante, neste caso não seria tão estranho um Cadete entrar no esgoto. Antes de abrir a tampa, Clark passava uma mensagem para Kibato dizendo que se ele precisasse de reforços que iria ligar, concluiu dizendo para não ter tanta esperança de que isso possa acontecer. Era um método de precaução.

Enfim ele abria a tampa, descia uma pequena escada de ferro e chegava ao esgoto. A princípio a iluminação era provocada pelos feixes de luz que atravessavam a tampa do bueiro, logo ficaria difícil enxergar por ali. Clark agachava-se para pegar um pedaço considerável de pau que estava no chão, depois rasgava um pedaço de tecido fétido que jazia ali também, e por fim convocava o seu parceiro Houndour. O pedaço de pano era enrolado na ponta do pau, enquanto com o Ember de Houndour atiçava fogo na mesma para confeccionar uma espécie de tocha improvisada. Ainda que não durasse muito, já quebraria um bom galho.

-- Andro, conto com você para me guiar. E você também Anne! - liberava a ave. -- Quero que use o teu Supersonic para rastrear alguma movimentação suspeita. Agora vamos andando.

Assim, o Cadete, o cão e a ave seguiram por um corredor a esquerda. Clark tinha parceiros valiosos! Mesmo que a tocha não dure muito, ainda há o Houndour que por ser um pokémon Dark, orienta-se muito bem na escuridão.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Seg 09 Set 2013, 12:24

Desculpe-me a demora! >.<

O que o cadete poderia fazer no momento era seguir a sua missão, com um curativo que poderia suportar a dor do usuário e com os seus Pokémon para lhe orientar. Valia lembrar que Clark estava cumprindo a sua missão não apenas por conveniência de um recruta, mas também porque o seu felino, Luck, dependia disso e iria fazer o possível para poder recuperá-lo.

Seguindo pelo Hospital da cidade o cadete logo recolhia os seus Pokémon, que como a enfermeira disse, estavam ali para prontos para a sua missão. O cadete seguia pelas ruas da cidade levando consigo apenas a coragem e os seus parceiros. A cidade se erguia em formas geométricas e logo o rapaz lembrara do que Kibato havia dito por telefone.

Segundo o meliante que Clark capturou na rota anterior, o rapaz teria que seguir pelos corredores da cidade e ali poderia muito bem realizar o encontro com o malfeitor e encontrar de vez o homem que se escondia com o seu gatuno.

Seguindo as orientações do chefe de polícia, Clark adentrava no primeiro bueira que se encontrava ali e assim seguia diante da escuridão do mundo debaixo. Descendo as escadas com cuidado, o jovem chegava até o mar das trevas e de cheiro repreensivo.

Nada era visto ali, a não ser a luz que saia do bueira acima do recruta, que era suficiente apenas para lhe ilumina. Vendo isso, o rapaz seguia pelo corredor ali, mas antes recolhia alguns utensílios que achara de antemão.

Um raio escarlate surgia no meio do corredor e assim Andro surgia e usava o seu Ember na tocha improvisada, acedendo ali mesmo uma fonte de iluminação, que revelava o corredor enorme.

Era demasiadamente grande aquele esgoto. No meio, uma enxurrada de águas fétidas passavam por ali. Por onde as águas passavam era possível perceber que ocupava a maior parte do corredor, restando dois caminhos de pedras nas laterais do “rio de lodo”.

Com Anne também ao seu lado, Clark seguia perante as paredes úmidas ali e assim Andro saia farejando o local, enquanto as ondas supersônicas da Pokémon gaivota tentava localizar o criminoso.

Seguia à passos firmes e enquanto o jovem avançava, os ratos ali presentes se afastavam. Rattatas saiam correndo para longe do trio e era possível ouvir dali mesmo gotas caindo no chão e que se prolongavam em um eco pelo corredor.

O jovem Clark estava a confiar em sua dupla, sendo necessário muita lealdade para isso. Leves brisas invadiam o local de hora em outra, fazendo a chama na tocha do rapaz se balançar direto. Logo Anne começou a sentir algo devido os seus Supersonic e logo em seguida parecia que Andro identificava o mesmo. Ambos saiam em disparada pelo corredor, correndo e voando, para poder alcançar esse algo...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Qua 11 Set 2013, 19:19

OFF: Perdoe a má qualidade e o tamanho do post, é que estou fazendo em meio a aula prática kkk



As correntes de ar penetravam o local fraquejando ocasionalmente as chamas da tocha improvisada, enquanto o Cadete seguia fielmente os seus parceiros Andro e Anne. O cão farejava tudo a seu caminho, a ave abria o seu bico e liberava ondas supersônicas para identificar o que há mais a frente, os pokémon que habitavam o esgoto cruzavam o caminho do Cadete, afastando-se da luz e por sua vez do perigo que o jovem Hideout emitia.

De repente tanto Wingull quando Houndour sentiram alguma coisa e por impulso saíram correndo. Clark assustou-se por um momento mas logo seguia os seus parceiros.

-- Andro, Anne, o que houve? Encontraram alguma coisa?
-- "Win, Winguull!" - grunhia a ave eufórica.

O que será que eles captarão? Seria finalmente o bandido que o jovem Clark estava procurando? Seria o pobre Meowth raptado?

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Qua 11 Set 2013, 21:16

Off: Tudo bem! ;)

Diante do esgoto fétido, o jovem cadete parecia não se incomodar diante do local mal habitado e sem nenhuma condições de vivência. Mesmo assim, Kibato direcionou o jovem para aquele local e ali ele deveria encontrar o seu meliante, assim como o seu fiel gatuno. Diante disso, as premissas de sua missão era a única coisa que faria o jovem evitar de sair dali.

Os corredores do bueiro eram enormes e largos, porém, no meio havia as correntes de águas poluídas e cheias de dejetos, o que impediria uma maior movimentação ali. O jovem cadete se surpreendia quando os seus parceiros indicavam sinais de que havia algo ali. Diante disso, o jovem seguia pelos corredores de forma que apressasse os seus passos.

Wingull assumia dianteiras, sendo seguida pelo cão das sombras e pelo jovem que trazia a chama em sua tocha. O trio avançava pelo corredor e assim que virava a esquina, dava-se de cara com um portal, semicircular, e dali era possível enxergar o outro lado, que dava direto para uma sala bem iluminada por sabe lá o quê.

A sala era enorme, na verdade, não deveria existir uma daquelas em um bueiro como este. O local era formado pelos vários paralelepípedos cinzentos que formavam a cidade, porém, aqueles, eram mais velhos e cheio de muco ao redor. O jovem estava parado na porta de entrada, ao lado da ave, que pousara, e de Houndour.

Era possível avistar daquela posição, várias caixas, espalhadas e uma sobre as outros. Uma mesa no centro tinha sobre ela algo verde e na ponta, uma esfera bicolor que o jovem conhecia bem: a sua Pokéball. Parecia que não havia ninguém ali...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Qua 11 Set 2013, 21:33

Após seguir os seus fieis parceiros, eis que Clark se depara com um portal semicircular, este guardava uma enorme sala, o que era estranho pois eles estavam no esgoto.

-- Mas o que é será isso... hãn?! - O rapaz estava surpreso e ficava mais ainda em alerta quando fitava uma Pokéball que estava em cima de uma mesa. Era ela mesma! Uma de suas próprias Pokéball! Estaria o Meowth ali? -- Certo, tenho que dar um jeito de entrar! Andro, alerta!

O cão rapidamente colocava-se de prontidão perante ao Cadete, era realmente um Pokémon muitíssimo obediente ao seu dono. Diante disso, o trio adentrava o local minuciosamente. A sala parecia estar vazia, mas tudo estava fácil demais. O Cadete resolveu optar por outra alternativa de aproximação.

-- Anne, voe até lá e traga-me a Pokéball que está naquela mesa!

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Qua 11 Set 2013, 23:11

Clark encontrava aquela sala no meio do corredor e ali mesmo se estranhava com o local, afinal um local desse não estaria no planejamento de um bueiro que fosse feito de forma correta. Com certeza teria dedo de uma gangue no meio, na hora da construção daquele local.

Tal cômodo no meio do nada significava nada mais do que um depósito e ali estavam várias caixas e as demais coisas diferente era a mesa, a Pokéball, o algo verde. O jovem sabia que teria que ter atenção redobrada. Houndour começava a latir, bem na hora que o jovem ordenou que Wingull pegasse a sua Pokéball.

O Pokémon negro estava nervoso e começava a latir escandalosamente. Certamente, se tivesse alguém ali, agora saberia que não estava sozinho. A ave sorriu e assim levantava voo, dando duas voltas sobre a Pokéball e por fim pegava a esfera.

Assim que a gaivota agarrou a Pokéball, algo se fechava e prendia a Pokémon gaivota, que começava a se debater dentro de algo verde, que antes suspendia a esfera ao alto. Era um Pokémon e era por isso que Houndour latia desesperadamente. A gaivota começava a se mexer diante desse coisa que prendia ela e parecia não ter piedade em solta-la.

Logo em seguida, essa coisa se virava e revelava a sua verdadeira cara: era um Carnivine. O Pokémon Grass prendia a ave em cheio, envolvendo-a de uma forma que ela não poderia se livrar. A cara do Pokémon Grass era semelhante de um maníaco ao realizar uma chacina. A planta ria enquanto Wingull lutava para se soltar, mas parecia difíl.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Qui 12 Set 2013, 12:26

A investida do Cadete para recuperar a sua Pokéball furtada se iniciava. Pediu para que a sua astuta ave voasse até lá para pegar o objeto que descansava sobre a mesa. De repente Houndour começava a latir e alertar Clark de alguma ameaça oculta, isso era um fato pois tudo estava tranquilo e fácil demais.

Wingull fazia sua peripécia aérea e logo recuperava a esfera bicolor, mas o que não contavam é que a mesma foi capturada pelo algo verde que também repousava sobre a mesa, por fim era um ser vivo, um Carnivine. A planta carnívora capturava a ave com a sua presa enorme e com um semblante assassino não deixava a mesma escapar.

-- Droga! Andro, Avante com Ember! E Anne, tenta confundir e escapar dessa ordinária com Supersonic!

Clark não ficava parado, ele percorria o salão para ver se encontrava algum objeto para lançar sobre a planta maluca e quem sabe ajudar na liberdade da ave.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Qui 12 Set 2013, 14:12

Clark percebia que tudo estava sendo fácil demais. O jovem cadete estava esperando algo acontecer, mas o que? Diante de uma situação tão simples de reconquistar o seu gatuno, algo poderia desandar, provocando consequências catastróficos e Houndour sabia disso e tentava alerta o seu mestre.

Mas quando o jovem recruta tomou posse do conhecimento, já era tarde demais! Um Carnivine, que repousava sobre a mesa e o mais perto possível da Pokéball, agarrava a ave do cadete com a sua grande boca, englobando-a por completo, além da Pokéball que Anne tentava resgatar.

Com isso, a gaivota gritava e gritava diante do poder esmagador do Pokémon papa-moscas, que parecia não ter piedade em engolir a ave inteira. O jovem cadete teria que agir rápido e o latido de Houndour persistia diante do campo que era aquela ala do esgoto.

As ordens de Clark foram incisivas e assim o Pokémon Dark reagia. Ane estava tão nervosa, que nem percebeu as ordens de seu mestre, já Houndour lançava várias brasas em campo, que atingia Carnivine em cheio, fazendo a planta soltar de vez a ave alva, que caia quicando no chão, junto da Pokéball.

A esfera de Clark saia rolando sobre a sala e logo se abria, liberando a luz escarlate que rolava sobre o campo e assim liberava o gatuno perdido, que demonstrava-se melhor do que nunca, porém, esbanjava uma cara confusa sobre o que estava acontecendo em campo.

Nesse momento, o grupo de Clark apenas viu o vulto e Carnivine se refugiava entre as várias caixas enormes que estavam ali, cada qual sobre a outra ou ao lado, formando um verdadeiro labirinto naquela ampla sala. Mas o que surpreendeu mesmo o jovem fora um barulho ensurdecedor que ele ouvira, assim como os seus Pokémon.

Semelhantemente após o barulho de trovão, uma dor agonizante e incessante tomara o ombro do rapaz, o mesmo que fora atingido pelo garoto na rota 3 e que a enfermeira só fez um curativo tolo. Era um tiro que Clark havia recebido, e vinha de suas costas.

Sem mais pensar em nada, Andro e Luck saltaram sobre o seu mestre, o empurrando para detrás de duas caixas de madeira, uma sobre a outra, fazendo dali, a sua barreira. Anne seguiu o trio e logo outros tiros eram ouvidos.

Clark estava sobre o chão, escorado diante da caixa, mas, de ângulo, poderia ver o meliante, o mesmo que enfrentara em Jorvet Village. O homem de máscara indistinguível e cabelos escuros assumia a sala e com uma arma ele atirava contra a proteção de Clark, que eram as caixas. A firmes passos ele se aproximava lentamente, tendo ao seu lado o seu Stunky e do outro, Abra. Carnivine continuava no anonimato.

- Nos encontramos de novo, não é, aspirante à herói? Que tal me dá o seu sangue?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Qui 12 Set 2013, 15:25

Com ordens do Cadete, eis que Houndour lançava suas várias brasas quentes sobre o Carnivine que logo soltava a gaivota junto a pokéball e num instante se escondia por entre as caixas. A Pokéball era mesmo a de Meowth, o felino era liberado totalmente desnorteado, agora Clark estava mais aliviado, apesar de não transparecer.

Como previsto, tudo estava fácil demais por ali. Clark fora atingido por um tiro pelas costas, tal tiro acertou bem no local onde o frágil curativo foi feito. Os Pokémon do Cadete tomaram a frente da situação e para protegê-lo o empurraram para de trás de algumas caixas. O jovem identificava o bandido e este era realmente o que ele estava encabido de levar a justiça. De um lado, o meliante armado junto a Stunk e Abra, além do Carnivine escondido; do outro, o trio de Pokémon do Cadete que não deixariam aquela cena barata!

Houndour grunhia para o homem mascarado, enquanto subitamente as garras de Meowth saiam do modo retrátil e seu rosto se configurava para algo mais furioso, Wingull ainda se recompunha batendo as asas ocasionalmente. Clark mantinha-se calado e imóvel, o sangue começava a se espalhar no local muito facilmente, ao que parece o curativo havia rompido com o impacto do tiro.

Para proteger o seu dono, o trio de Pokémon resolveu agir por conta própria até que o mesmo consiga se recompor para dar novas ordens. Meowth rapidamente investia contra o bandido num prioritário Fake Out na tentativa de desarmá-lo, enquanto Wingull distraia e agonizava-os com um Supersonic. Houndour ficava na retaguarda para evitar ataques contra Clark, o Cadete precisava de tempo.

-- "D-droga... Eu preciso voltar lá...argh" - pensou trincando os dentes e amenizando a dor com a mão no ferimento. A tentativa de proteger o seu dono foi tão rápida e eficaz que no impulso da ação o Cadete deixou cair ao chão da cena a sua tocha improvisada. Ela se encontrava a poucos palmos de distancia dele ainda acesa. Talvez fosse melhor estar com ela por perto, afinal o Carnivine poderia surpreendê-lo.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Qui 12 Set 2013, 20:51

Diante de uma situação delicada, Clark fora atingido por uma bala vindo da arma do meliante. O que era curioso, era que, coincidentemente, a bala perfurara bem o local que havia o frágil curativo, desfazendo este por completo. A dor era latejante diante do corpo do rapaz e assim o sangue se espalhava com velocidade pelo ombro e caia sobre a roupa, se melando todo. Era irônico, já que da primeira vez que encontrou com o homem mascarado, era ele que estava coberto de sangue, já agora, estava totalmente limpo.

Carnivine continuava escondido entre as caixas, enquanto o homem dava passos fortes atirando contra o jovem, acertando somente as caixas de madeira no local. A tocha do recrutava estava caída, e ainda acessa, perto do homem e assim seria perigoso tê-la de volta consigo.

O homem continuava a avançar junto aos seus dois Pokémon e assim parecia está determinado em atirar no jovem cadete se acha-lo. Os Pokémon do jovem cadete reagiam em defesa de seu mestre e assim Clark permanecia ali com a mão sobre a ferida, que apesar de pequena, ainda sagrava, dos dois lados. De um, o corte fino, do outro, o buraco pequeno da bala, que ainda estava alojada no corpo do rapaz.

Assim que Meowth agia, o homem se surpreendia e com um Fake Out, o gatuno conseguia atingir a arma, que caia ao lado. Andro permanecia no meio do caminho, pronto para qualquer eventualidade. Anne saia lançando as suas ondas supersônicas, que avançavam em campo, mas Stunky dava um salto, deferindo um golpe em Meowth, que caia ao lado, enquanto Abra sumia sobre o seu Teleport, escapando do golpe de Wingull.

O cadete estava ainda atrás da caixa de madeira, enquanto os seus Pokémon tentavam ao máximo protege-lo diante da fúria do assassino maníaco. Meowth caia no solo rolando com Stunky, enquanto Abra e Carnivine continuavam no anonimato.

Quando menos se espera, o Pokémon Grass saltava e saia voando pelo campo, saindo do meio de um dos corredores feito pelas caixas, e com as suas mãos de raízes, envolvia Houndour, tapando o seu focinho de modo que ele não conseguia realizar nenhum golpe, a não ser, se remexer no meio do ar, sendo levitado junto com Carnivine e sua habilidade especial, Levitate.

Com isso era visto que uma batalha contra o homem seria inevitável, mas mesmo assim, o homem pegava a arma de volta e se apressava ao se aproximar de Clark. Anne assumia a frente, enquanto Andro e Luck estavam quase que imobilizados, mas ai Abra surgia do nada agarrando a Pokémon gaivota e sumindo do nada.

O mascarado logo conseguia localizar o recruta e assim ficava frente a frente ao seguidor da lei. Os seus olhos, se é que tinha, já que era impossível de ver por conta da máscara, poderia está brilhando de ânsia em querer atirar no “aspirante à herói”, como ele mesmo havia chamado várias vezes.

Todo o corpo do meliante convergia para acabar com a dor de Clark. O homem se encontrava de pé em frente do cadete abatido e assim apontava a arma diretamente para a cabeça do cadete. Um movimento e tudo estaria acabado.

- Quais são as suas últimas palavras?

Perguntava a voz, agora rouquíssima, do homem de máscara

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Sex 13 Set 2013, 01:38

OFF: OMG! *O* Fiquei sem pensar em algo melhor XD



A situação por um momento havia se aliviado, mas só por um momento mesmo. Ao que parece o homem mascarado estava em grande vantagem, e infelizmente talvez essa será a primeira e a última missão do Cadete. Será?

Diante do jovem Hideout estava o meliante com uma arma em direção a cabeça do oficial da lei. Tamanha era a sua vontade incessante de acabar logo com aquilo, mas por cordialidade ainda deu as honras do Cadete pronunciar suas últimas palavras. Ousadia não? Clark aceitava a proposta, ainda com a sua mão na ferida e a outra lentamente escorregando ao bolso da calça, negava o prazer de se render, suspendeu a cabeça por um instante, apenas suspirou e em voz consideravelmente alta disse: -- Hone Claws! - Claro que essa era uma palavra chave dada diretamente para o Meowth, afinal ele confiou este movimento ao felino, ainda que o mesmo tenha tido dificuldades no começo mas agora era hora de entender que naquela situação era um caso de vida ou morte, e seria uma oportunidade perfeita do Felino mostrar a Clark que apesar dele ser um bobo, ele tem seu lado responsável e leal. O jovem Hideout lhe dera uma chance de simplesmente surpreendê-lo.

Na situação em que se encontrava, o Cadete não tinha outras opções que não fosse confiar veemente nos seus parceiros. Hone Claws iria aumentar o nível de força do Meowth, tal como o seu êxito. Talvez numa nova tentativa de desarmar o meliante, Clark consiga golpeá-lo com alguma tática de combate e imobilizá-lo por fim, ou até mesmo derrubar algumas caixas para que a locomoção do inimigo seja difícil. Enfim, ele não estava confiando somente no Meowth, tinha uma outra estratégia mais arriscada ainda em mente. Sua mão direita a qual deslizava lentamente ao bolso, alcançava também a Faca pequena e pontiaguda que num lance poderia ser desferida no meliante, mas as consequências podem vir tanto para o Assassino, quanto para Clark, afinal, um movimento e o gatilho seria puxado. Seria este um fim de jogo? Clark esperaria por Meowth e reagiria no momento oportuno?!

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Ayzen em Sex 13 Set 2013, 12:31

Off: xD

Terror. Medo. Drama. A missão de Clark estava se tornando um verdadeiro filme de ação. Missões como a do cadete estavam ao monte espalhadas pelo mundo, entretanto, ele estaria preparado para concluir algo tão grande? Certamente essa incógnita estava no ar no momento, sendo possível chegar a duvidar do que o recruta era capaz.

O assassino permanecia diante do jovem, que agora só não sentia a dor eminente do tiro, devido ao fato da adrenalina o sustentar no meio do campo repleto de caixas. Com isso, Clark tinha a leve sensação de não sentir o seu ombro, na verdade, não sentia nada em seu corpo, apenas não tinha forças para se colocar de pé, embora se esforça, poderia conseguir realizar movimentos rápidos.

O meliante sorria diante da pergunta e oportunidade que dera para o jovem de pronunciar as suas últimas palavras. Os Pokémon em campo, todos, estavam em um combate intenso ali. Meowth contra Stunky. Wingull contra Abra. Carnivine contra Houndour. Era uma verdadeira representação da guerra em campo.

Clark, por sua vez, não tinha ideia do que fazer, mas resolveu apelar para o que ele cobiçava. Em alto e bom tom, pronunciou a ordem, que parecia ser para o seu gatuno. Os olhos do felino arregalaram perante a lembrança do seu treinamento na rota 3 e assim ele se esforçava ao máxima e lançava Stunky para o lado, realizando vários golpes no ar. Era Hone Claws, que aumentava o Attack e a Accuracy de Luck em um estágio cada.

Com isso, o gato partia para cima do seu mestre, a fim de defende-lo, mas logo uma fumaça lançada por Stunky assumia o campo e encobria parte dele, desnorteado o gatuno. Em reação, o jovem cadete olhava o assassino e em um movimento veloz com uma de suas mãos livre, lançava contra o mesmo a faca. A faca por sua vez, errava o alvo, devido ao reflexo do meliante. Esse sorria e balançava a cabeça negativamente e ironicamente.

- Ts, ts, ts. Resposta errada!

Com a arma apontada na testa de Clark, o malfeitor apertava o gatilho...

Tic!

Foi o som ouvido! A arma estava sem balas e agora o meliante olhava confuso perante a sua ação não concretizada e assim percebia que falhara em seu alto de acabar com o herói. A fumaça em campo se extinguia aos poucos e ali estava Carnivine envolto em torno de Houndour, Anne procurando Abra no ar e Meowth no meio do campo olhando de um lado para o outro, enquanto o Stunky seguia correndo contra o gato, pronto para deferir um golpe.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Convidado em Sex 13 Set 2013, 15:42

A tensão se fazia presente na cena, Meowth finalmente aprendera o Hone claws ainda que não tenha sido de grande ajuda porque o Stunky conseguiu bloqueá-lo. Mas com toda certeza a maior surpresa foi o fato da arma do meliante não estar carregada. Era a hora perfeita do Cadete reagir! E quem sabe colocar a situação a seu favor!

Movido pela adrenalina, e aproveitando a condição de distração do assassino, eis que Clark usa uma de suas pernas para tentar derrubar o homem e ganhar tempo. Com algum esforço o Cadete recuperava a sua faca afiada e derrubava algumas caixas pelo caminho, em seguida sacava o seu celular e pedia reforços para Kibato dizendo a sua localização exata, visto que na condição em que está ele não podia fazer muitas coisas. Clark Hideout não iria deixar se abater por uma ferida causada por um tiro! Ele é forte o bastante e muito corajoso para que a justiça seja feita. Seus treinos em táticas de combate vieram a calhar e muito desde o início de sua nomeação para Cadete, mas com certeza aquela missão estaria colocando em prova o quão disposto ele está para alcançar as suas ambições, por isso, mesmo tendo pedido reforços o Cadete precisava imobilizar o meliante, e foi o que fez! Com a faca em punhos avançava para aplicar uma tática de imobilização militar no oponente para que o mesmo não escapasse. Com alguma sorte poderia até dar certo.

-- Luck, você foi muito bem por isso não quero que falhe agora! Acabe com este verme de uma vez! Usa novamente o teu Hone Claws, aguarde o oponente e use Scratch! - dizia bravamente -- Quanto a você, não vou deixar que escape de novo. Desta vez te levarei a justiça seu covarde!

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 07 - 4 por 4

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum